Projeto de ciclovia por toda a Alameda em fase de estudos

d1fe-marcelo-feitosa-165324
Projeto de ciclovia por toda a Alameda em fase de estudos

Ciclovia por toda a extensão da Alameda é uma antiga reivindicação de ciclistas que atualmente são obrigados a enfrentar o intenso trânsito local

O prefeito Rodrigo Neves, informou que a prefeitura de Niterói vai implantar uma ciclovia que se estenderá por todos os 3km da Alameda São Boaventura, no Fonseca, uma das principais reivindicações dos ciclistas da região. O projeto, segundo ele, já foi iniciado.

“O cronograma ainda não está completamente validado. O projeto de implantação para a ciclovia na Alameda está confirmado mas, ainda, em fase de estudos. Ainda não sabemos por onde a ciclofaixa vai passar. Os arquitetos estão se desdobrando para achar uma solução”, disse o prefeito, acrescentando que a nova rota é uma segunda parte do projeto que visa a integração da Zona Norte com o Centro para os ciclistas. A Emusa (Empresa Municipal de Moradia Urbanização e Saneamento) está em fase de contratação de projeto executivo para revitalização da Alameda, que inclui a ciclovia e a troca de todos os pontos de luz da via por lâmpadas de LED.

Ciclovia na João Brasil – A primeira parte do projeto de integração da Zona Norte ao Centro prevê, ainda este ano, a implantação de uma ciclofaixa na Avenida Professor João Brasil, com extensão de 2,5km, interligando os bairros da Engenhoca e do Fonseca. Em seguida, a via atravessará a Alameda São Boaventura e se estenderá por toda a Rua Dr. Carlos Maximiano – após acessar a Rua Magnólia Brasil – em mais um percurso de 900m, chegando ao bairro de São Lourenço pela rua de nome homônimo, que já possui uma ciclofaixa.

O programa “Niterói de Bicicleta” afirmou que a ligação entre os bairros da Zona Norte e Centro será feita em fases, começando pela estrutura cicloviária da João Brasil, explicando também que a passagem de ciclistas vai facilitar a chegada dos moradores de São Gonçalo ao município, uma vez que a via se inicia nos limites entre os bairros da Engenhoca, em Niterói, e de Venda da Cruz, em São Gonçalo.

“A construção de uma infraestrutura cicloviária na Av. João Brasil é de extrema importância para conectar de maneira segura os ciclistas da Zona Norte ao Centro da cidade. Acredito que esta infraestrutura será também usada pelos moradores de São Gonçalo que vêm a Niterói para trabalhar, estudar e passear”, diz a Coordenadora do “Niterói de Bicicleta”, Isabela Ledo. 

Fonte: http://www.ofluminense.com.br